NATO Tiger Meet 2013 PDF Print E-mail
Written by Felipe Salles   
Friday, 02 August 2013 15:21

Um dos exercícios aéreos mais tradicionais e particulares do calendário da OTAN é o NATO Tiger Meet. Uma vez ao ano, unidades aéreas das diversas forças aéreas da Aliança Atlântica se reúnem em uma Base Aérea para se exercitar conjuntamente.

 

TM13-001
TM13-001TM13-001
TM13-002
TM13-002TM13-002
TM13-003
TM13-003TM13-003
TM13-004
TM13-004TM13-004
TM13-005
TM13-005TM13-005

 

TM13-006
TM13-006TM13-006
TM13-007
TM13-007TM13-007
TM13-008
TM13-008TM13-008
TM13-009
TM13-009TM13-009
TM13-010
TM13-010TM13-010

O diferente desse exercício é o que as unidades que participam dele têm de comum, todas têm como seu “tema” o tigre (e em alguns casos especiais outros grandes felinos). Ao passar dos anos o exercício virou uma tradição e a tradição foi acompanhada com a estilização das aeronaves participantes com pinturas chamativas que disputam “ferozmente” a atenção dos aficionados da aviação.

 

TM13-011
TM13-011TM13-011
TM13-012
TM13-012TM13-012
TM13-013
TM13-013TM13-013
TM13-014
TM13-014TM13-014
TM13-015
TM13-015TM13-015

 

TM13-016
TM13-016TM13-016
TM13-017
TM13-017TM13-017
TM13-018
TM13-018TM13-018
TM13-019
TM13-019TM13-019
TM13-020
TM13-020TM13-020

 

Em 2013 Orland, cidade norueguesa que fica num local remoto e conta com um grande espaço aéreo livre para permitir a realização de exercícios como este sem necessariamente interferir no tráfego aéreo local, foi escolhida pela segunda vez seguida após a desistência da Força Aérea Grega de receber o evento devido a sua crise.

 

Para chegar até a base aérea de Orland passamos pela cidade de Trondheim. Neste ano, 2013, foi anunciado que Orland foi escolhida como a futura sede da primeira unidade de F-35 norueguesa. Por esta razão, e também para buscar calar os críticos que insistentemente tentam interromper esta compra do país, que a Lockheed Martin decidiu trazer uma maquete em escala real e um simulador com cabine completa instalando-os dentro do grande hangar existente ali.

 

TM13-021
TM13-021TM13-021
TM13-022
TM13-022TM13-022
TM13-023
TM13-023TM13-023
TM13-024
TM13-024TM13-024
TM13-025
TM13-025TM13-025

 

TM13-026
TM13-026TM13-026
TM13-027
TM13-027TM13-027
TM13-028
TM13-028TM13-028
TM13-029
TM13-029TM13-029
TM13-030
TM13-030TM13-030

Durante todo o dia houve uma longa fila para que os visitantes pudessem mock-up e assim tirar uma foto sua como “piloto de caça” sentados na cabine. O voo no simulador no entanto era exclusivo para pilotos militares participantes no evento. Segundo David A. Johnson, responsável pela iniciativa da Lockheed, eles vieram para Orland diretamente de um show aéreo na Holanda e devido a esta agenda apertada focada nos países que já são sócios do programa F-35 é que por isso o mock-up nem o simulador foram exibidos no Paris Air Show 2013 em Le Bourget, na semana anterior.

 

TM13-031
TM13-031TM13-031
TM13-032
TM13-032TM13-032
TM13-033
TM13-033TM13-033
TM13-034
TM13-034TM13-034
TM13-035
TM13-035TM13-035

 

Também dentro do hangar estava um Panavia Tornado do Aufkürungsgeschwader, ou simplesmente ala de reconhecimento cuja data de fundação é de 1959. A unidade já foi equipada com 36 RF-84F Thunderflash. O apelido do grupamento é Immelmann, uma manobra acrobática que consiste de um S e na metade uma inversão de 180 graus no eixo horizontal da aeronave. Em meados de 1960 os Thunderflash foram substiuídos pelo RF-104G Startfighter, que permaneceu em serviço até 1971.

 

TM13-036
TM13-036TM13-036
TM13-037
TM13-037TM13-037
TM13-038
TM13-038TM13-038
TM13-039
TM13-039TM13-039
TM13-040
TM13-040TM13-040

 

O esquadrão foi o primeiro da OTAN a completar 250 mil horas de voo sem perda de vidas humanas. Atualmente o esquadrão opera o Panavia Tornado e em outubro de 2013 teve seu nome alterado para Taktisches Luftwaffengeschwader, ou ala aérea tática.  A pintura tigrada de branco e preto, é chamada de “Arctic Tiger” do 51º Esquadrão (43+57). Complementando a pintura comemorativa os pilotos da unidade usavam macacões de voo com apliques de tecido nas costas e nas golas repetindo as listras pretas e brancas do seu avião, que lembram os Tigres Siberianos.

 

TM13-041
TM13-041TM13-041
TM13-042
TM13-042TM13-042
TM13-043
TM13-043TM13-043
TM13-044
TM13-044TM13-044
TM13-045
TM13-045TM13-045

 

Curiosamente estes apliques incluíam um rabo de tigre que se prendia na perna do macacão para não ficar abanando. Segundo o comandante da unidade alemã estes macacões são apenas para exibição e não podem ser usados voo uma vez que o aplique altera significativamente a sua funcionalidade e também a sua capacidade de resistir ao fogo. Ao lado do Tornado estava um F-16 holandês do esquadrão 313 (J-196) quase que totalmente coberto por tigrezinhos de pelúcia.

 

TM13-046
TM13-046TM13-046
TM13-047
TM13-047TM13-047
TM13-048
TM13-048TM13-048
TM13-049
TM13-049TM13-049
TM13-050
TM13-050TM13-050

 

TM13-051
TM13-051TM13-051
TM13-052
TM13-052TM13-052
TM13-053
TM13-053TM13-053
TM13-054
TM13-054TM13-054
TM13-055
TM13-055TM13-055

 

Os F-16 dos Paises-Baixos são do esquadrão 313, formado oficialmente em 1953, porém em sua longa existência foi uma unidade operacional de transição, ou seja a sua função era unicamente de receber os pilotos que chegavam do treinamento dos EUA e reavaliá-los para seguirem para as unidades operacionais. As primeiras aeronaves foram os Lockheed T-33. Durante 1959 e 1972 o esquadrão ficou desativado e voltou operando o NF-5A Freedom Fighter. Somente em 1990 o esquadrão se tornou operacional e nesse ano o mascote escolhido foi o tigre. Em 2002 o esquadrão conseguiu os padrões operacionais da OTAN. Devido aos cortes orçamentários, a base aérea de Volkel, lar do esquadrão 313 foi fechada e até o presente momento não há nenhum plano para a construção de um novo ou alocação em uma nova base.

 

TM13-056
TM13-056TM13-056
TM13-057
TM13-057TM13-057
TM13-058
TM13-058TM13-058
TM13-059
TM13-059TM13-059
TM13-060
TM13-060TM13-060

 

TM13-061
TM13-061TM13-061
TM13-062
TM13-062TM13-062
TM13-063
TM13-063TM13-063
TM13-064
TM13-064TM13-064
TM13-065
TM13-065TM13-065

 

Os anfitriões do evento foi o Esquadrão 338 de F-16 da Real Força Aérea Norueguesa. Dois de seus aviões foram exibidos um curiosamente montado sobre apoios (671) permitia que os visitantes subissem em uma escada para ver o seu interior. Formados em 1954 com F-84G Thunderjet foram transferidos em 1958 para Orland, que tem sido seu lar desde então. Em Junho de 1958 receberam seu primeiro F-86F Sabre e em 1966 passaram a ser equipados com o F-5 Freedon Fighter, que permaneceu por 19 anos no esquadrão, sendo posteriormente substituídos pelo F-16 da General Dynamics. Foi ai que o esquadrão adotou o tigre como seu símbolo e passaram a fazer parte da associação Tiger. O Esquadrao 338 teve atuações importantes sendo a mais recente nos Balcãs na operação “Enduring Freedom”da OTAN.

 

TM13-066
TM13-066TM13-066
TM13-067
TM13-067TM13-067
TM13-068
TM13-068TM13-068
TM13-069
TM13-069TM13-069
TM13-070
TM13-070TM13-070

 

TM13-071
TM13-071TM13-071
TM13-072
TM13-072TM13-072
TM13-073
TM13-073TM13-073
TM13-074
TM13-074TM13-074
TM13-075
TM13-075TM13-075

 

A França enviou duas unidades de Rafale e cada um deles trazia um avião decorado. O primeiro (118-HT) era mais discreto mantendo grandes partes da fuselagem ainda no cinza padrão da Armée de l`Air, veio do esquadrão 05.330 “Cote d`Argent”. O esquadrão francês é o mais antigo entre os presentes, fundado em 1921 participou de guerras importantes como a Batalha da França de maio a junho voado um Dewoitine D-520 e logo depois seguiram para o norte da África, e Casablanca. Anos depois o D-520 foi substituído pelo Bell P-39 Aircobra e o P-47 Thunderbolt. Após o fim da segunda guerra, o esquadrão participou de campanhas na Indochina e novamente no norte da África. Quando em 1960 o Clemenceau, irmão do nosso NAe São Paulo, foi posto em serviço, o esquadrão foi designado para ser a ala aérea desse navio. Em 1978 o Etandard foi substituído pelo Super Etandard, que ainda opera hoje em dia. Atualmente o esquadrão serve no NAe Charles De Gaulle e embora não possuam o tigre como símbolo, quando o esquadrão estava a bordo do Clemenceau eles tinham no capacete o tigre.

 

TM13-076
TM13-076TM13-076
TM13-077
TM13-077TM13-077
TM13-078
TM13-078TM13-078
TM13-079
TM13-079TM13-079
TM13-080
TM13-080TM13-080

 

TM13-081
TM13-081TM13-081
TM13-082
TM13-082TM13-082
TM13-083
TM13-083TM13-083
TM13-084
TM13-084TM13-084
TM13-085
TM13-085TM13-085

 

Já o avião “113-HJ” estava pintado num esquema apropriadamente chamado de “tiger instinct”, um amarelo gritante com “listras” brancas e pretas pintadas na sua parte superior e exibia uma abstrata cabeça de tigre na cauda.

 

 

 

A Força Aérea da República Tcheca trouxe seus Gripens C/D que eles adquiriram em leasing da Suécia. O avião com a pintura comemorativa (9238) apresentava uma um esquema bastante abstrato na parte superior dos canards e na cauda, design este criado por uma artista australiana e seguindo o estilo peculiar da arte aborígene daquele país. O esquadrão 231 opera os helicópteros MIL M-24V Hind, última versão e a mais equipada e para transporte aéreo, tendo sido criado em 1995, adotou o tigre em 2001 e foram aceitos na associação no ano seguinte.

 

TM13-086
TM13-086TM13-086
TM13-087
TM13-087TM13-087
TM13-088
TM13-088TM13-088
TM13-089
TM13-089TM13-089
TM13-090
TM13-090TM13-090

 

TM13-091
TM13-091TM13-091
TM13-092
TM13-092TM13-092
TM13-093
TM13-093TM13-093
TM13-094
TM13-094TM13-094
TM13-095
TM13-095TM13-095

 

Um Eurofighter EF2000 alemão do Esquadrão 1.JG.74/742 FIS “Bavarian Tigers” tinha apenas o rabo do avião decorado com uma imagem em baixo contraste da cabeça de um tigre. As tampas da sua entrada de ar foram decoradas com grandes olhos de tigre também. Dois F-18 Hornet de primeira geração foram exibidos no pátio de aeronaves estáticas. O F-18A espanhol (15-23) tinha apenas os seus tanques subalares pintados em esquema de tigre, e o suíço (J-5005) igualmente, veio com os tanques externos envelopados com a figura de uma pata de tigre e com apenas duas pequenas antenas no dorso listradas.

 

TM13-096
TM13-096TM13-096
TM13-097
TM13-097TM13-097
TM13-098
TM13-098TM13-098
TM13-099
TM13-099TM13-099
TM13-100
TM13-100TM13-100

 

TM13-101
TM13-101TM13-101
TM13-102
TM13-102TM13-102
TM13-103
TM13-103TM13-103
TM13-104
TM13-104TM13-104
TM13-105
TM13-105TM13-105

 

TM13-106
TM13-106TM13-106
TM13-107
TM13-107TM13-107
TM13-108
TM13-108TM13-108
TM13-109
TM13-109TM13-109
TM13-110
TM13-110TM13-110

 

Interessante foi ver que o F-18 Hornet suíço tinha todas as suas tradicionais faixas de “remove before flight” substituídas por simpáticas faixas “tigradas”. O Fliegerstaffel 11, ou esquadrão 11, foi fundado em meados da segunda guerra mundial, quando foi criado o Fliegerstaffel operava o Morane Saunier D-3800. Em 1958 entraram em operação os Hawker Hunter e o papel do esquadrão foi ampliado para missões ar-ar e ar-solo. Em 1979 as aeronaves foram substituídas pelo F-5E e somente em 1996 F/A-18 Hornet entraram em serviço. Mesmo a Suíça não sendo membro da OTAN o Fliegstaffel 11 participa do Tiger Meet como membro oficial desde 2004.

 

TM13-111
TM13-111TM13-111
TM13-112
TM13-112TM13-112
TM13-113
TM13-113TM13-113
TM13-114
TM13-114TM13-114
TM13-115
TM13-115TM13-115

 

TM13-116
TM13-116TM13-116
TM13-117
TM13-117TM13-117
TM13-118
TM13-118TM13-118
TM13-119
TM13-119TM13-119
TM13-120
TM13-120TM13-120

 

Estabelecido no Paquistão devido a ocupação alemã de 1941 o Esquadrão 335 codinome Tiger, é o mais antigo da República Helênica. Os primeiros pilotos do esquadrão foram treinados no Iraque pelos britânicos e sua primeira aeronave foi o Hurricane-IIC, e logo em 1943,  substituídos pelo moderno Spitfire VB e VC O propósito básico do esquadrão é de reconhecimento e interceptação e esteve envolvido em diversas ações durante a II Guerra. Nos anos cinquenta os F-84G e F e nos sessenta o F-104G Starfighter. No ano de 1993 foram substituídos pelo A-7E e TA-7C Corsair. Atualmente a aeronave é o F-16C grego (014) que talvez por vir de uma força aérea que está permanentemente em prontidão para uma possível conflito com seu rival mediterrâneo, a Turquia (ou talvez, ainda, por falta de orçamento devido a crise econômica que o país sofre) veio sem qualquer pintura especial.

 

TM13-121
TM13-121TM13-121
TM13-122
TM13-122TM13-122
TM13-123
TM13-123TM13-123
TM13-124
TM13-124TM13-124
TM13-125
TM13-125TM13-125

 

TM13-126
TM13-126TM13-126
TM13-127
TM13-127TM13-127
TM13-128
TM13-128TM13-128
TM13-129
TM13-129TM13-129
TM13-130
TM13-130TM13-130

 

Ao contrário, os turcos do 192º Esquadrão (“Kaplan Filo”, em turco) mostraram duas pinturas comemorativas distintas, ambas impressionante, no rabo e nos tanques subalares dos seus aviões, uma em tons de vermelho e outra puxando para o azul.

 

O F-16 é a aeronave do esquadrão e era o  mais moderno na linha estática era um modelo D 52 (4082) polonês do 6º Esquadrão de Caça da Base Aérea de Poznan-Krzesiny equipado com um par de imponentes tanques “conformal” que reduzem significativamente o arrasto da aeronave se comparado com os tradicionais tanques subalares. Certamente o menor avião presente este ano no Tiger Meet, mas ao mesmo tempo, um dos mais coloridos era o veterano treinador austríaco Saab 105OE (RF-26), tendo sido construído em 1963 é difícil imaginar exatamente que papel haveria para ele e um exercício que inclui alguns dos caças mais modernos do planeta.

 

TM13-131
TM13-131TM13-131
TM13-132
TM13-132TM13-132
TM13-133
TM13-133TM13-133
TM13-134
TM13-134TM13-134
TM13-135
TM13-135TM13-135

 

TM13-136
TM13-136TM13-136
TM13-137
TM13-137TM13-137
TM13-138
TM13-138TM13-138
TM13-139
TM13-139TM13-139
TM13-140
TM13-140TM13-140

 

O avião que se destacava do grupo de aviação de caca era também o maior avião no pátio de exibição estática, o E-3 da OTAN (LX-N 90454) do grupamento AWACS, sistema aéreo de alerta e controle. Esse sistema a época de seu lançamento, 1978, se propunha a ser uma grande melhoria na defesa aeroespacial. Hoje o esquadrão, NAEWF é composto por tripulantes de 15 diferentes nações da aliança e fica baseado em Geilenkirchen, Alemanha e opera em conjunto da RAF, Royal Air Force que fica baseada em Waddington.

 

TM13-141
TM13-141TM13-141
TM13-142
TM13-142TM13-142
TM13-143
TM13-143TM13-143
TM13-144
TM13-144TM13-144
TM13-145
TM13-145TM13-145

 

TM13-146
TM13-146TM13-146
TM13-147
TM13-147TM13-147
TM13-148
TM13-148TM13-148
TM13-149
TM13-149TM13-149
TM13-150
TM13-150TM13-150

 

Contudo, um gigante estava localizado em outro local mais perto da pista, um McDonnell Douglas C-17A Globemaster (01), um dos três aviões que são compartilhados por países da OTAN além de Suécia e Finlândia num sistema chamado de SAC – Strategic Airlift Capability, que é um consórcio de 12 nações, liderado pelos EUA, cujo propósito é partilhar os custos operacionais de aeronaves de transporte logístico. Estes aviões ficam permanentemente baseados na Hungria (Papá AFB). Para simplificar os custos de manutenção, 50 funcionários da Boeing são encarregados de realizar as operações na base, e todos os membros contribuem financeiramente de acordo com o uso.

 

TM13-151
TM13-151TM13-151
TM13-152
TM13-152TM13-152
TM13-153
TM13-153TM13-153
TM13-154
TM13-154TM13-154
TM13-155
TM13-155TM13-155

 

TM13-156
TM13-156TM13-156
TM13-157
TM13-157TM13-157
TM13-158
TM13-158TM13-158
TM13-159
TM13-159TM13-159
TM13-160
TM13-160TM13-160

 

Ao lado do Globemaster ficavam estacionados outros dois Eurofighters alemães, um biplace (30+95) e um monoplace (30+39).O tempo estava totalmente horrível e isso acabou inviabilizando a exibição aérea. Um solitário Rafale (113-GT) até chegou a decolar, mas devido às nuvens muito baixas não se pode ver nada do que ele fez, além de decolar e pousar. O clima causou uma frustração geral no público e nem a decolagem de um par de F-16 noruegueses (292/294) conseguiu alterar o humor ambiente.

 

O mais inesperado foi a exibição “em terra” do Gripen Tcheco (9245). O avião limitou-se a taxiar diante do público, acelerar e logo em seguida frear com emprego visual dos seus grandes canards nesta função. Em 2014 o Tiger Meet evento ocorrerá na Alemanha.

 

TM13-161
TM13-161TM13-161
TM13-162
TM13-162TM13-162
TM13-163
TM13-163TM13-163
TM13-164
TM13-164TM13-164
TM13-165
TM13-165TM13-165

Last Updated on Wednesday, 25 June 2014 11:02
 

Translate

Browse this website in:

Busca Rápida
Serial
(FAB, MB ou EB)


Copyright © 2018 Base Militar Web Magazine. All Rights Reserved. Joomla! is Free Software released under the GNU/GPL License.