Ministros de Defesa da Unasul aprovam Centro de Estudos Estratégicos PDF Print E-mail
Written by Administrator   
Friday, 07 May 2010 14:39
Tensão Ministerio da Defesa 11.9999 Normal 0 21 false false false MicrosoftInternetExplorer4 /* Style Definitions */ table.MsoNormalTable {mso-style-name:"Tabela normal"; mso-tstyle-rowband-size:0; mso-tstyle-colband-size:0; mso-style-noshow:yes; mso-style-parent:""; mso-padding-alt:0cm 5.4pt 0cm 5.4pt; mso-para-margin:0cm; mso-para-margin-bottom:.0001pt; mso-pagination:widow-orphan; font-size:10.0pt; font-family:"Times New Roman"; mso-ansi-language:#0400; mso-fareast-language:#0400; mso-bidi-language:#0400;}

 

Os ministros sul-americanos de Defesa, reunidos nessa quinta-feira na cidade equatoriana de Guayaquil, no Equador, aprovaram o projeto de estatuto do Centro de Estudos Estratégicos, que vai assessorar o Conselho de Defesa da União de Nações Sul-americanas (Unasul). Essa decisão é a mais importante tomada durante a primeira jornada da II Reunião Ordinária do Conselho de Defesa Sul-americano (CDS), que foi inaugurado nessa quinta-feira em Guayaquil.

O documento, em suas considerações, assinala que o Centro faz parte do Plano de Ação do CDS com o objetivo de gerar um pensamento estratégico em nível regional, que apoie a coordenação e harmonização das políticas de Defesa na América do Sul. Por isso, os ministros aprovaram a criação do Centro como instância de produção de estudos estratégicos, dirigidos à assessoria do CDS, mas que também servirá a cada um dos países-membros de Unasul (Brasil, Argentina, Bolívia, Chile, Colômbia, Equador, Guiana, Paraguai, Peru, Suriname, Uruguai e Venezuela).

O centro contribuirá, "mediante a análise permanente, à identificação de desafios, fatores de risco e ameaças, oportunidades e cenários relevantes para a defesa e a segurança regional e mundial", em curto, médio e longo prazos, destaca o documento. Também contribuirá para a identificação de enfoques conceituais e linhas básicas para a articulação de políticas em matéria de defesa e segurança regional, destaca o estatuto divulgado pelo gabinete de comunicação do CDS.

Entre as atribuições do Centro estão "realizar estudos e pesquisas em temáticas vinculadas à defesa e à segurança regional, assim como organizar oficinas, editar publicações e quaisquer atividades relevantes para abordar e tratar os temas de interesse do CDS". O Centro, além disso, buscará estabelecer uma rede com as unidades de estudos estratégicos de cada país membro da Unasul, assim como de nações fora da região.

Fonte: PORTAL TERRA

 

Translate

Browse this website in:

Busca Rápida
Serial
(FAB, MB ou EB)


Copyright © 2019 Base Militar Web Magazine. All Rights Reserved. Joomla! is Free Software released under the GNU/GPL License.