Airbus Military vende oito aviões C-295 para FAB PDF Print E-mail
Written by Administrator   
Wednesday, 09 June 2010 15:43

 

 

 

A Airbus Military negocia a venda de mais oito aviões C-295, de transporte militar e patrulha marítima, para a Força Aérea Brasileira (FAB). O presidente da empresa, Domingo Ureña-Raso, que preferiu não revelar o valor do pedido, disse que os termos do contrato já foram negociados e a expectativa da empresa é que a decisão da Aeronáutica seja anunciada este ano.

A FAB opera os aviões do modelo C-295 desde 2006. As aeronaves, num total de 12, foram compradas em 2005 e entregues ao longo dos últimos quatro anos. O modelo desenvolve missões dentro do Sistema de Proteção da Amazônia (Sipam) e do projeto Calha Norte, que auxilia as populações em zonas remotas da região.

O contrato de aquisição de 12 C-295 também envolveu a modernização de nove P-3 Orion usados, comprados nos Estados Unidos. Os dois programas, avaliados em US$ 767 milhões, são desenvolvidos pela EADS CASA, unidade da Airbus Military. Segundo Ureña Raso, o primeiro P-3 modernizado será entregue à FAB no fim do ano. "Tivemos um problema na estrutura da aeronave, mas já foi completamente resolvido. Só estamos aguardando agora a chegada das novas peças que encomendamos da Lockheed, nos EUA", explicou.

O P-3 Orion, fabricado originalmente pela Lockheed Martin, será usado pela FAB na proteção da Zona Econômica Exclusiva (ZEE), controle de fronteiras e em missões de busca e salvamento em uma área de 6 milhões de quilômetros quadrados, atribuídas ao governo brasileiro e que cobrem praticamente todo o Atlântico Sul.

O modelo C-295 na versão para patrulha marítima (com sensores adaptados para esse tipo de missão), segundo Ureña-Raso, também é operado pelas forças aéreas do Chile , Portugal, Estados Unidos e Espanha. A aeronave, que possui vendas totais de 80 unidades, carrega até nove toneladas de carga e 71 militares. "Nas missões de ajuda humanitária ao Haiti, a FAB enviou quatro C-295 de sua frota para apoiar as operações. México e Colômbia também enviaram seu apoio aos EUA através dessa aeronave".

O executivo da Airbus Military disse que o programa de aquisição dos aviões da EADS-CASA e a modernização da frota de P-3 Orion, da FAB, incluiu cooperação entre empresas do grupo europeu e do Brasil. "São equipes mistas de engenharia de ambos os países trabalhando juntas na transferência de tecnologia para o Brasil", disse. O acordo de offset (compensação tecnológica) para esses contratos prevê contrapartida de 120% por parte da EADS. Entre as beneficiadas está um consórcio de pequenas fornecedoras do setor aeronáutico brasileiro e a Atech.

Fonte: Valor Econômico

 

Translate

Browse this website in:

Busca Rápida
Serial
(FAB, MB ou EB)


Copyright © 2019 Base Militar Web Magazine. All Rights Reserved. Joomla! is Free Software released under the GNU/GPL License.