Mercado prevê melhora para Embraer PDF Print E-mail
Written by Administrator   
Monday, 05 July 2010 21:34

 

O Santander aumentou a sua previsão de preço para as ações da Embraer, com base na melhoria das perspectivas para os mercados de jatos comerciais, executivos e de defesa nos próximos dois anos. Segundo relatório de atualização de estimativas feito pelo banco, o novo preço previsto para o final de 2011 é de R$ 13,50 por ação ante R$ 10,50 estimados para o fim de 2010.

Analista de Transportes do Santander e autor do relatório, Caio Dias diz que a expectativa é que o fluxo de pedidos para os E-Jets da Embraer acelere em 2011, tendo em vista a maior disponibilidade no mercado para o financiamento de aeronaves associada à tendência de recuperação em curso na demanda por viagens Aéreas.

"O cenário está melhor para o setor de aviação, mas o mercado ainda não refletiu essa tendência no valor das ações da Embraer, que está abaixo do que consideramos justo", explica o analista. As campanhas comerciais em andamento, segundo Dias, indicam ainda que a demanda por novas aeronaves está melhor nas regiões da Ásia/Pacífico, América Latina e Oriente Médio, que registraram um crescimento de 8,7%, 6,5% e 21,7%, respectivamente.

O relatório prevê ambiente mais favorável para as divisões de Defesa e de jatos executivos e vê o programa do cargueiro KC-390 como principal motivador do crescimento da receita no segmento militar. "Os investimentos da Embraer na área de defesa envolvem baixo risco e por isso representam fluxo de caixa positivo. No caso do KC-390, o governo está financiando o desenvolvimento do projeto, avaliado em US$ 1,3 bilhão".

O setor de defesa representou, em 2009, cerca de 10% da receita da Embraer e a previsão para este ano, segundo a empresa, é que o valor gire em torno de US$ 650 milhões, 12% da receita total projetada para o exercício, de US$ 5 bilhões. "Além do KC-390, a empresa mantém os programas de modernização de 46 aeronaves F-5, da Força Aérea Brasileira (FAB) e de 12 jatos A-4, da Marinha."

A revitalização da frota de 53 AMX, avaliada em R$ 740,7 milhões também está em andamento. A Embraer está finalizando a entrega de uma encomenda de 99 aeronaves Super Tucano para a FAB, da qual ainda restam 14. Além de FAB, a Embraer tem outros 30 Super Tucano para entregar às Forças Aéreas do Chile, República Dominicana e Equador.

"A melhoria no desempenho da divisão de defesa da Embraer é bastante positiva, considerando o fato de o segmento, por sua natureza, não estar exposto a crises, o que reduz o risco para o crescimento da empresa e a volatilidade dos resultados", comentou o analista do Santander no relatório.

O Santander espera ainda que a Embraer seja indiretamente beneficiada pela compra dos caças do projeto FX-2, uma vez que a empresa deverá ser a principal beneficiada no processo de transferência de tecnologia associada à compra de 36 aeronaves. Por outro lado, o relatório pondera que as eleições presidenciais de outubro provavelmente devem provocar atrasos no processo de licitação em curso.

Os ganhos de eficiência de produção alcançados pela Embraer, segundo Dias, também devem trazer maior lucratividade e geração de fluxo de caixa para a empresa. O relatório do Santander projeta forte expansão do lucro líquido para a Embraer em 2012, com uma alta de 60% em comparação com 2010. Para este ano o Banco estima uma margem operacional de 7%.

Fonte: Valor Econômico - Virgínia Silveira

 

Translate

Browse this website in:

Busca Rápida
Serial
(FAB, MB ou EB)


Copyright © 2019 Base Militar Web Magazine. All Rights Reserved. Joomla! is Free Software released under the GNU/GPL License.