Release: Embraer anuncia discussões de parceria com a Colômbia no programa KC-390 PDF Print E-mail
Written by Administrator   
Wednesday, 01 September 2010 18:14

 

 

Governo Colombiano manifesta intenção de adquirir 12 jatos de transporte militar da Embraer

São José dos Campos, 1º de setembro de 2010 – A Embraer participou hoje, em Brasília, de cerimônia de assinatura da Declaração de Intenções entre os Ministros da Defesa do Brasil e da Colômbia visando à participação do país vizinho no programa de desenvolvimento e na produção do jato de transporte militar KC-390. Este é o primeiro passo nas negociações bilaterais que definirão os termos e condições da participação da Colômbia no programa, e que poderá resultar na implantação de uma fábrica de peças usinadas naquele país para atender ao mercado aeronáutico, e na aquisição, por parte do Governo Colombiano, de 12 aviões KC-390.

“A Colômbia foi o cliente lançador do Super Tucano no mercado internacional, e muito nos honra vê-la novamente junto à nossa companhia, agora fazendo parte deste ambicioso projeto que é o KC-390”, disse Orlando José Ferreira Neto, Vice-Presidente Executivo da Embraer para o Mercado de Defesa. “O desenvolvimento de um pólo de competência aeronáutica na Colômbia fortalecerá ainda mais a cooperação entre as bases tecnológicas e industriais de defesa de ambos os países.”

A relação entre a Embraer e a Força Aérea Colombiana (FAC) data de aproximadamente duas décadas. Desde 1992, a FAC opera 14 aviões Tucano, empregados no treinamento de pilotos, e duas aeronaves EMB 110 Bandeirante, utilizadas para o transporte de pessoal. A estas aeronaves soma-se a frota de 25 aviões turboélices Super Tucano de treinamento e ataque leve. Na área de aviação comercial, a empresa aérea estatal colombiana SATENA (Servicio Aéreo a Territorios Nacionales), opera cinco jatos ERJ 145 e dois jatos EMBRAER 170, respectivamente para 50 e 76 passageiros, atendendo 43 destinos em todo o território colombiano.

“Com o início das conversações para definir a participação de Colômbia no desenvolvimento do avião KC-390, e a participação efetiva no mesmo, estamos dando grandes passos para acelerar consideravelmente o desenvolvimento da indústria aeronáutica colombiana por meio da Corporação da Indústria Aeronáutica Colombiana (CIAC), não somente porque incrementaremos nossas capacidades no nível de engenharia, mas também porque nos sentimos muito orgulhosos de estar neste projeto junto com a Embraer”, expressou o Major-General-do-Ar Flavio Ulloa, Chefe de Operações Logísticas da Força Aérea Colombiana. “Com a experiência da Embraer, de mais de 40 anos no desenvolvimento de aviões, e da Força Aérea Colombiana, no âmbito operacional, poderemos trabalhar conjuntamente para fazer do KC-390 uma das aeronaves mais modernas e versáteis para atender diferentes tipos de missões, tanto no nível militar quanto comercial, pelo que agradecemos à Embraer por ter nos permitido fazer parte deste projeto.”

A Colômbia se junta assim ao Chile, que também assinou uma Declaração de Intenções de participação no programa do jato de transporte militar. Somadas, as intenções de compra das forças aéreas de Colômbia, Chile e Brasil, totalizam 46 aeronaves KC-390, sendo 28 por parte da FAB, 12 pela FAC e outros seis pela Força Aérea do Chile (FACH).

 

Translate

Browse this website in:

Busca Rápida
Serial
(FAB, MB ou EB)


Copyright © 2019 Base Militar Web Magazine. All Rights Reserved. Joomla! is Free Software released under the GNU/GPL License.