Chefes de Delegações discutem assuntos de segurança em águas marítimas e fluviais PDF Print E-mail
Written by Administrator   
Friday, 17 September 2010 13:17

 

 

 

Os Delegados das Marinhas participantes da 24ª Conferência Naval Interamericana trouxeram diversos assuntos para discussão, relacionados à segurança naval de seus países. Desde problemas sobre controle e vigilância das atividades pesqueiras na Zona Econômica Exclusiva, até o combate ao narcotráfico nas águas fluviais e marítimas, serão abordados nas reuniões ao longo da semana.

O Chefe da Delegação da Marinha do Paraguai, Contra-Almirante Egberto E. Orue Benegas, demonstrou maior interesse pelos problemas relacionados às águas interiores, visto que seu país é completamente fluvial. “Além do esforço para livrar nossos rios da contaminação, lutamos para combater o tráfico ilegal”, destacou. Já o principal representante do México na conferência, Almirante-de-Esquadra Jose Jesús Marte Camarena, ressaltou a importância do intercâmbio de informações entre as Forças, e da operação conjunta com todas as Marinhas da América. “Por isso estamos aqui. Para expor nosso ponto de vista e conhecer os pontos de vista dos demais”.

“A Marinha Colombiana tem uma vasta experiência na luta contra o narcotráfico”, afirmou o Chefe da Delegação da Marinha da Colômbia, Vice-Almirante Alvaro Echandía Durán. Ele conta que no ano passado, a Força conquistou uma cifra recorde na Colômbia - encontrou 97,4 toneladas de cocaína. Uma outra atividade que tem ocupado aquela Marinha é a caça aos semi-submersíveis: embarcações clandestinas usadas para o transporte de droga, desde a América do Sul até a América do Norte. Segundo a autoridade colombiana, em 1993, foram encontrados, pela primeira vez no país, 56 deles. No ano passado, o número caiu para 20. “Interrompemos grande parte dessas embarcações ainda na fase da construção. Outras que já estavam navegando, carregadas com drogas, logo foram interceptadas.” O Almirante Echandía revelou, ainda, que o país possui uma lei que penaliza, com cárcere, o uso de qualquer tipo de semi-submersível. 

Fonte: Marinha do Brasil

 

 

Translate

Browse this website in:

Busca Rápida
Serial
(FAB, MB ou EB)


Copyright © 2019 Base Militar Web Magazine. All Rights Reserved. Joomla! is Free Software released under the GNU/GPL License.