Helicópteros simulam salvamento na Cruzex PDF Print E-mail
Written by Administrator   
Wednesday, 10 November 2010 12:45

 

 

Em algumas cidades como João Pessoa foi possível perceber a presença dos aviões durante operação da FAB

Dois helicópteros H-60L Black Hawk levantaram vôo ontem durante o dia, do aeroporto João Suassuna, em Campina Grande, depois que foram acionados para o salvamento. Quatro aeronaves, do 7º Esquadrão do Oitavo Grupo de Aviação (v), Esquadrão Hárpia, de Manaus-AM, estão na cidade para realizar a Operação Cruzeiro do Sul V (CRUZEX V), uma simulação de guerra que é realizada a cada dois anos, pela Força Aérea Brasileira (FAB) com o intuito de realizar procedimentos de combate ofensivo e defensivo. Cerca de 90 homens estão instalados no aeroporto de sobreaviso, caso algum comando instalado em outras cidades do Nordeste, realize uma convocação urgente para o salvamento de homens.

Ontem dois helicópteros Black Hawk sobrevoaram o espaço aéreo da região de Campina Grande, com o intuito de realizar o salvamento de pilotos que "ejetaram das aeronaves atingidas em guerra". De acordo com o 2° tenente da FAB, Alexandre Fernandes, quatro aeronaves, além de três Black Hawk, também um Helicóptero UH-14, da Marinha do Brasil, estão na cidade. Em outros estados que participam da operação, como Ceará, Pernambuco e Rio Grande do Norte, a missão também funciona com caças brasileiros F-5 EM, F-2000 Mirage, A-1 e A-29 Super Tucano, que contam com o reforço de Rafales (França), F-16 (Chile e EUA), A-4AR Argentina), A-37 e IA-58 (Uruguai). O tenente explicou que as aeronaves, recentemente adquiridas pela FAB, tem o objetivo de atender, especificamente, a missão de C-SAR (Combat, Search and Rascue) em qualquer região do País e principalmente na região amazônica.

"O objetivo da doutrina C-SAR é treinar as unidades operacionais em repatriar pilotos abatidos durante incursões. Para tal, a aeronave líder configurada no padrão SAR é amparada por alas que fazem sua escolta, devidamente armados e prontos para proteger a aeronave-resgate de uma eventual resistência terrestre ou de uma Patrulha Aérea de Combate", disse. Conforme explicou, a operação constitui em uma simulação de guerra entre países, o Vermelho, que representa o Ceará e está invadindo o país Azul, que está situado nos estados do Pernambuco, Rio Grande do Norte e Paraíba, sendo que Campina Grande corresponde a um terceiro país, o Amarelo, onde está situada uma zona de risco e operacional, para o salvamento.
 

 Fonte: Jornal O Norte

 

Translate

Browse this website in:

Busca Rápida
Serial
(FAB, MB ou EB)


Copyright © 2019 Base Militar Web Magazine. All Rights Reserved. Joomla! is Free Software released under the GNU/GPL License.