Jobim entrega carta de demissão, e Celso Amorim assume a Defesa PDF Print E-mail
Written by Administrator   
Thursday, 04 August 2011 20:31

 

 

04/08/2011 20h10 - Atualizado em 04/08/2011 20h25

 

Convidado, ex-ministro das Relações Exteriores aceitou, informou Planalto.
Jobim deixa governo após revista publicar falas com críticas a colegas.

Do G1, em Brasília

O ministro da Defesa, Nelson Jobim, entregou a carta de demissão à presidente Dilma Rousseff na noite desta quinta (4), depois de antecipar a volta de uma viagem ao Amazonas.

De acordo com a assessoria do Palácio do Planalto, Celso Amorim, ministro das Relações Exteriores no governo de Luiz Inácio Lula da Silva, foi convidado e aceitou assumir como novo ministro da Defesa.

A reunião entre Dilma e Jobim durou menos de cinco minutos, segundo a assessoria. Jobim chegou com a carta pronta para entregar à presidente. Fez a entrega e foi embora.

Jobim deixou o cargo após a publicação pela revista "Piauí" de reportagem na qual ele faz críticas às ministras Ideli Salvatti (Relações Institucionais) e Gleisi Hoffmann (Casa Civil).

Na edição deste mês da revista, que circulou nesta quinta-feira, Jobim afirma que a ministra Ideli Salvatti era "muito fraquinha" e que Gleisi Hoffmann "sequer conhece Brasília". Ele negou que tivesse dado as declarações, mas a direção da revista reafirmou.

Perguntado no Amazonas se havia qualificado a ministra Ideli Salvatti como "muito fraquinha", Jobim respondeu: "Absolutamente, não". Ele, o vice-presidente Michel Temer e o ministro da Justiça, José Eduardo Cardozo, participaram em Tabatinga (AM) da solenidade de assinatura de um acordo para a adoção de um plano de segurança de fronteira entre o Brasil e a Colômbia.

 

Fonte: G1

 

Translate

Browse this website in:

Busca Rápida
Serial
(FAB, MB ou EB)


Copyright © 2021 Base Militar Web Magazine. All Rights Reserved. Joomla! is Free Software released under the GNU/GPL License.