SAAB entrega proposta melhorada à FAB PDF Print E-mail
Sunday, 04 October 2009 01:42
 

SAAB entrega proposta melhorada à FAB

 

         

Com a presença do Secretário de Estado Sr. Hakan Jevrell, do CEO  e Presidente da SAAB Sr. Ake Svensson e do Ten Brigadeiro Mats Nilsson, Diretor Chefe do Departamento de Assuntos Militares do Ministério de Defesa da Suécia, foi realizada no dia 02 de Outubro uma coletiva de imprensa para oficializar a proposta final da licitação FX-2 à FAB.

Bem vindos a Embaixada da Suécia. É uma honra para mim estar aqui hoje ao lado da industria sueca. Estou aqui em Brasilia para  dar o apoio do governo sueco à proposta  da SAAB  do Gripen NG para o programa FX-2, disse o Secretário de Estado Sr. Hakan Jevrell.

A Suécia pode oferecer uma participação ampla que tanto pode ser do interesse nacional da Suécia quanto do Brasil. Ontem tivemos a oportunidade de fazer uma apresentação sobre a parceria sueca para os representantes do Senado. Tivemos uma reunião com o pessoal da Comissão das Relações Exteriores de Defesa e com a Comissão de Ciência e Tecnologia.

Durante aquela reunião e também na reunião com o Ministro da Defesa, Sr Nelson Jobim, tivemos a oportunidade de dar as informações completas sobre o Gripen NG. Entre outras coisas, apresentamos a fabrica sueca e mostramos que não estamos procurando um comprador, e sim um parceiro, ao  qual oferecemos 100% de transferência de tecnologia.

O preço do Gripen NG e o custo do ciclo da vida são bastante competitivos e a Suécia também oferece 100% de financiamento governamental (Swedish Export Credit Corporation),a longo prazo, do valor total do contrato se o Brasil escolher o Gripen NG.    

Eu também falei que a parceria que a Suécia oferece é muito além do desenvolvimento conjunto do Gripen NG. A Suécia possui uma antiga relação com o Brasil em várias áreas e nós também temos uma parceria formal nas áreas de inovação, alta tecnologia, ciências espaciais, energia sustentável e também educação.

Será uma honra poder dar as boas vindas ao presidente Lula na próxima terça feira em Estocolmo, quando  participará da Cúpula União Europeia-Brasil. E seria uma honra também, poder discutir um plano de ação unindo a áreas mencionadas.

Hoje pela manhã a SAAB apresentou a BAFO do FX-2 para a FAB e agora vou passar a palavra para o CEO da SAAB, Sr. Ake Svensson: 

Obrigado Senhor Secretário.

Eu acho que agora é momento perfeito para uma parceria perfeita que podemos resumir como uma solução completa para a FAB.

-Um verdadeiro caça de 5ª geração

-Um parceiro para a independência

-Acessabilidade imbatível

-Única janela de oportunidade  

Acho que oferecemos uma oportunidade única de parceria entre a SAAB e a industria brasileira.

A nossa proposta é para que o Gripen NG seja construido no Brasil, para o Brasil e para o mercado mundial.  Essa parceria seria uma parceria longa para que possamos compartilhar o desenvolvimento de tecnologias. E isso significa criar empregos na área de alta tecnologia tanto no Brasil quanto na Suécia.

O mais importante para mim, é que nós oferecemos uma parceria de “iguais” ao Brasil.

   

A nossa proposta para a FAB do Gripen NG é composta de:

-36 caças, sendo 28 monoplaces e 8 biplaces

     -Uma segunda geração do radar AESA feito entre a  Saab Microwave Systems e a Selex

     -Capacidade Super Cruise

     -Pacote de armamentos brasileiros e outros

     -Centro de simulação de combate em rede

     -Total apoio operacional

     -Comprovadamente os menores custos no ciclo de vida da aeronave

O mais importante que temos que colocar, é que o Gripen NG cumpre todos os requerimentos da FAB e em certos casos, os excede.

Como nosso Secretário de Estado Sr.Hakan Jevrell acabou de dizer, nossa proposta é muito boa e muito comprometida.

  

Um assunto que foi muito debatido na mídia se refere ao alcance do Gripen NG, então apresento agora os alcances do Gripen NG, os quais excedem os requisitos do FX-2:

-Raio de ação: 1.300Km – 700nm

-Patrulha de Combate Aéreo ou PAC

-30 minutos  on station

-Armamento neste alcance:

-4 BVRs ( Beyound visual range

-2 Misseis de alcance visual

-1 Drop Tank

-Alcance de traslado: 4.000Km – 2.200nm

Outro assunto muito importante é sobre a capacidade de comunicação dos caças em combate. Dentro de nossa proposta, oferecemos a possibilidade de integrar o SIVAN – R-99 ao Gripen.

-Tatical Information Data link System – TIDLS

-Data Link System BR-2:

     - Brazilian Aircraft

     - Air Command and Control Systems

-Satellite

    - comunicação para além da linha de visão

Cabe ressaltar também, a capacidade de operar em pistas curtas e em rodovias. Abaixo os parametros para decolagens e pousos curtos:

-Pista de bases suecas: 17x800m – O Gripen requer 9x500m

-Rápido Turn-around e re-role

-Air to Air em menos de 10 minutos

-Air to ground em menos de 20 minutos

Oferecemos também uma parceria industrial de 100% e isto significa que nós oferecemos tanto a transferência de tecnologia como a parceria no desenvolvimento de novas tecnologias. Oferecemos também a possibilidade do Brasil participar em 40% no desenvolvimento de novas tecnologias do Gripen NG. 80% das estruturas do Gripen serão produzidas no Brasil, com a linha de montagem completa.

E junto a isso oferecemos : Manutenção total, reparos e overhall completo dos motores no Brasil. Oferecemos também a possibilidade de venda do Gripen NG na America Latina e também possibilidades conjuntas para o resto do mundo. Oferecemos 175% de Off Set, que são contrapartidas comerciais e tecnológicas.

Temos uma proposta comercial, como também uma parceria entre países, como o nosso Secretário de Estado Sr. Hakan Jevrell já mencionou.

O Compromisso sueco:

-Parceria tecnológica estratégica

-Garantia de desenvolvimento e da transferência de tecnologia

-Entregas Gripen para SWAF em consonância com as entregas para o Brasil

-Treinamento de pilotos e mecanicos

-Desenvolvimento de Data Link entre os paises

-Analisar a possibilidade de compra dos modelos KC-390 e A-29

-100% de financiamento para o programa pelo governo sueco 

Em resumo, eu diria que o Gripen NG seria mais brasileiro do que o AMX é, pois ele seria desenvolvido no Brasil, com os requerimentos brasileiros, produzido no Brasil, operado e mantido no Brasil e exportado pelo Brasil.

A seguir, as perguntas da Mídia: 

Mídia - Como se dará esta transferência ao Brasil?

Ake Svensson - Neste momento nós temos a possibilidade de entrar as 2 nações na avaliação conjunta do Gripen, isso significa que nós juntos podemos decidir quais serão os sub contratados e quais seriam os sistemas que seriam contratados. Junto com a industria brasileira temos criado uma estrutra de trabalho para definir os detalhes deste trabalho, e a nossa proposta é de compartilhar 100% da atualização do gripen.

E um dado importante é o fato que quando procuramos um sub-contratado, é para todo o sistema Gripen e não apenas para o NG Brasil. Isso significa que estariamos criando uma relação de dependência mútua.

Mídia - Poderia definir melhor como seria este Off-Set de 175%?

Ake Svensson - Existe um requisito no FX de compensaçao industrial que pode ser direto ou indireto em que até 80% é direto.São transferências de tecnologia ferramental e de simuladores  de conhecimento transferência para a industria poder desenvolver este caça no Brasil. São conhecimentos de 70 anos que a SAAB tem e esta oferecendo à industria brasileira e para a FAB. E assim sendo, nós oferecemos 175% sobre o valor do contrato, em tecnologia. 80% direto 15% indiretos para a área aeroespacial e 5% a critério do comando da FAB.

Como estamos oferecendo uma parceria ampla entre a Suécia e o Brasil, incluindo o desenvolvimento de 40% do Gripen NG aqui no Brasil, chegamos ao numero de 175% de off- set.

Mídia - Gostaria de saber se haverá contrapartida dentro destes 175%, com a compra de produtos brasileiros pela Suécia como o KC-390 ou o Super Tucano?

Ake Svensson - A Força Aérea da Suécia esta avaliando a possibilidade de compra do KC-390 e do Super Tucano, e isso, é fora dos 175%.

Mídia - Quantos KC-390 e Super Tucanos poderiam ser comprados pela Suecia?

Ake Svensson - Isso não daria para esclarecer hoje, pois é além do contrato, e é preciso avaliar as necessidades da ForçaAérea da Suécia.

Mídia - Qual o valor do contrato e qual o prazo de entrega das aeronaves?

Ake Svensson - Eu não gostaria de discutir isso, pois essas informações já foram passadas à FAB, e o prazo de entrega também foi entregue para a FAB.

Mídia - Se fosse produzido no Brasil, qual seria a capacidade anual de fabricação do Gripen NG ?

Ake Svensson - Na Suécia podemos produzir até 20 por ano, e no Brasil a produção seria adequada a demanda local.

Mídia - Quais seriam as diferenças entre o Gripen C/D e o NG?

Ake Svensson - O Gripen NG é uma atualização de uma aeronave que existe hoje. 2 pilotos da FAB voaram o DEMO do NG, e nós introduzimos mais traçao, mais carga paga, alcance maior, mais sensores mais equipamentos de comunicação. Excencialmente isso.

Mídia - A estrutura é a mesma do C/D?

Ake Svensson - No Demo ja foram introduzidas as modificações na fuselagem.

Mídia - Poderia demonstrar o nível de desenvolvimento do Gripen NG?

Ake Svensson -  O primeiro avião está voando e o programa agora esta integrando novas funcionalidades, este ano e no ano que vem. Na minha opinião é a hora perfeita para o Brasil entrar no programa.

A base é uma plataforma com experiência tanto da Força Aérea da Suécia quanto de outras Forças Aéreas que sempre sofrerá atualização para se contrapor as novas ameaças que vem por ai.

Mídia - Poderia explicar melhor sobre a autonomia do Gripen NG?

Ake Svensson -  Basicamente o alcance de traslado é 4.000km ele vai mas não volta. Com REVO ele obviamente irá mais longe. O caça pode se manter no ar por aproximadamente 13 horas.

Mídia - Qual a previsão de compra por parte da Força Aérea da Suécia do Gripen NG?

Hakan Jevrell -  No caso da compra pelo Brasil do Gripen NG, o governo sueco prevê a aquisição de Gripens NG paralelamente ao Brasil. A previsão pelo parlamento é de que a Força Aérea da Suécia tenha 100 aviões e não há como prever no futuro quantos mais seriam necessários.

Mídia - Como a previsão é para que os Gripens voem até 2040, existirão atualizações como em outras aeronaves?

Hakan Jevrell - Para operar o sistema do caça, ele exige atualições como no caso do C/D para o NG, e com a cooperação entre os paises operadores, ela ocorrerá naturalmente.

Mídia - Como está o desenvolvimento e integração do radar AESA ao Gripen NG?

Ake Svensson - A partir do ínicio do ano que vem, nós vamos começar a voar com o radar AESA que está sendo desenvolvido pela SAAB Microwave que é, quem fabrica o radar do R-99 e a Selex. Nós também continuamos desenvolvendo muitos sistemas no solo e asim sendo, o desevolvimento é continuo.

Mídia - Gostaria de insistir na questão do preço. Na mídia se fala muito sobre os valores de seus concorrentes, então, porque não se pode dizer já, o preço ofertado pela SAAB?

Ake Svensson -  Na minha experiência, sempre que se fala de preços, isso resulta em mal entendido.

Mídia - Na semana passada foi dito que sua proposta seria equivalente a 2 Gripens NG para 1 caça concorrente. Hoje essa proposta mudou? Estaria ainda mais vantajosa?

Ake Svensson -  Para continuar na linha de raciocinio, existe o custo de aquisição e o custo de ciclo de vida, ou seja, ele será usado por 30 a 40 anos. O Gripen foi desenvolvido para ter uma manutenção fácil e operação fácil. Nós selecionamos uma configuração mono-motor para ter a perfomance necessária, e também, ter o custo nestes 30/ 40 anos razoável.

Quando comparamos preços que vimos na imprensa, nós concluimos que realmente são 2 Gripens para o preço de 1 competidor bi-motor.

Obrigado a todos pela presença por parte do governo sueco e eu gostaria de colocar alguns pontos aqui agora. 

A nossa experiencia com o trabalho da SAAB é uma experiencia muito boa e a SAAB entrega o produto  certo, na hora certa, pelo preço certo dentro do orçamento, disse o Secretário de Estado  Hakan Jevrell, encerrando a coletiva 

Last Updated on Sunday, 04 October 2009 03:56
 

Translate

Browse this website in:

Busca Rápida
Serial
(FAB, MB ou EB)


Copyright © 2021 Base Militar Web Magazine. All Rights Reserved. Joomla! is Free Software released under the GNU/GPL License.