USS Carl Vinson vem ao Rio em 2010 Print
Written by Felipe Salles   
Thursday, 10 December 2009 23:24

 


 

O porta aviões nuclear americano da classe Nimitz, o CVN-70, acaba de encerrar um período de quatro anos para troca do combustivel de seus reatores nucleares e de manutenção complexa (refueling complex overhaul - RCOH) seguido por uma fase de 14 semanas de disponibilidade restrita (Post Shakedown Availability/Supplemental Restricted Availability (PSA/SRA). O programa RCOH é realizado em todos os navios desta classe ao chegarem a marca de 25 anos de serviço.

Este pesado programa de engenharia foi realizado nas imensas instalações industriais da Northrop Grumman em Newport News, no estado da Virginia. Em seguida, o navio e sua tripulação começaram a treinar arduamente para poder levar este navio em segurança para seu novo porto permanente, a base naval NAS North Island, na cidade californiana de San Diego. Lá o Carl Vinson servirá ao lado de seus " irmãos, o USS Ronald Reagan (CVN -76) e o USS Nimitz (CVN-68). Como os navios-aeródromos americanos desta classe são grandes demais para passarem através Canal do Panamá, eles são obrigados a contornar todo continente da América do Sul para poder chegar na costa do Pacífico dos EUA. Recentemente, em 2008, o CVN-73 USS George Washington e, no ano seguinte, o LHD-8 USS Makin Island realizaram este trajeto. Para garantir a segurança do navio nesta viagem, ele será escoltado por um cruzador AEGIS (anti-aéreo) da classe Ticonderoga.

Dentro da operação "Southern Seas 2010", o navio passará pelo Brasil, ainda com uma tripulação incompleta, e apenas com uma carga parcial de aeronaves a bordo. Estarão a bordo pessoal e aeronaves dos esquadrões VFA 15, VFA31, VFA 34, VFA 81, VFA 87, VAW 124, VAW 125. HSC 9 e HSM 70. Essas unidades formam parte das Carrier Air Wing 17 e 8. Cerca de 16 caças F-18 Super Hornet, alguns cargueiros (COD) C-2 Greyhound  e um punhado de helicópteros SH-60s acompanharão o Carl Vinson nesta viagem. A primeira parada do navio no país será em Natal. Nos últimos dias de fevereiro de 2010 o navio chegará ao Rio onde a tripulação poderá descansar e conhecer a cidade maravilhosa. Após a partida do Rio de Janeiro já está programada um exercício Passex com navios e aeronaves da Marinha do Brasil .

Está previsto, também, o embarque de vários oficiais e praças do NAe São Paulo no Carl Vinson para que eles possam presenciar e participar, de forma intensiva, das operações aéreas embarcadas realizadas pelos aviões e helicópteros americanos. Este grupo de militares brasileiros deve desembarcar do navio, duas semanas depois, ao largo da costa do Rio Grande do Sul. Este desembarque será apenas via os aviões C-2, o navio não mais parando em nenhum porto brasileiro após o Rio. O São Paulo não participará destes exercícios com o NAe americano por não haver tempo hábil para se realizar todas as etapas de re-certificação do navio e da sua ala aérea antes da chegada do navio americano. 

Os A/F-1 da Marinha realizarão vários exercícios de apontamento para o pouso, mas por questão de segurança operacional, foi determinado que não ocorrerão, desta vez, exercícios de toque e arremetida no navio-aeródromo americano.

Entrando no Pacífico o navio americano deve parar em Valparaíso, no Chile, e depois em Callao na costa peruana, antes de rumar para sua nova casa, San Diego.

ALIDE cobrirá mais esta importante visita de navios militares ao Brasil, aguardem!

 

Last Updated on Friday, 11 December 2009 06:53